Young Scooter — Hood Memories letra e tradução

A página contém a letra e a tradução em português da música "Hood Memories" de Young Scooter.

Letra

Hood memories, hood memories
Hustling thinking 'bout them hood memories
Hood memories, hood memories
Thinking 'bout them days before I saw a ki
Hood memories, hood memories
Smoking thinking 'bout them hood memories
Hood memories, hood memories
Thinking 'bout them days before I saw a p
Before I saw a ki I was selling 50's
Selling 3 gram hundreds, man, my life addictive
I was 15 smoking regular weed
My high school days breaking down p’s
Ounces at my locker, I had a lot of problems
Losing not an option, dopeboy product
When I was 18 I met my migo papi
With all that street knowledge I walked away from college
Started selling collards, they come on the dolly
Before I was 21 I seen a million dollars
Ten toes down through the money problems
Every nigga in the hood know you’re school to got 'em
Wrong place, right time like I wasn’t on time
You know I’ll make this motherfucking microphone cry
Driveby’s, we got caught up in the crossfire
We shouldn’t have had our crazy asses outside, but fuck that
Lil B, he was my nigga, man
When he was down I got him up, vice versa
Nigga play with us, fuck it, we side him up
Even when I had nothing I just knew that I was gonna live it up
Running around stealing bike trucks
Back when mister Ross was selling dixie cups
Started getting my bands up
First time they had me in handcuffs
I swear to God me and oldboy held oldboy for ransome
Shooting ball at the park
No telling what goes in in the dark
I’m thinking I balled way from the start
From the niggas was all in New York, yeah
I went from silver watches to rocking AP’s
Used to watch them old G’s, now it’s on me
I was on E, fell off to a G
Used to play the candy lady, went to hide the weed
Hood memories, I just rapped my life
I know probably did a lot of shit that wasn’t right
That’s that hood life, ain’t no rules, no
At any given time a nigga’ll kick your do'
Rain, sleigh and snow, I had to jug through it
Had to count up them free bands, I put my hood through it
Hood memories, you gotta duck them FED’s
Now you see my face on the TV screen

Tradução da letra

Memórias do capô, memórias do capô
A pensar nas memórias do bairro
Memórias do capô, memórias do capô
A pensar neles dias antes de ver um ki.
Memórias do capô, memórias do capô
Fumar a pensar nas memórias do bairro
Memórias do capô, memórias do capô
A pensar neles dias antes de eu ver um p
Antes de ver um ki, estava a vender 50's.
Vendendo 3 gramas de centenas, Meu, a minha vida viciante
Tinha 15 anos a fumar erva normal.
Os meus dias de liceu a acabar com a p's
Onças no meu cacifo, tive muitos problemas.
Não perder uma opção, produto dopeboy
Quando tinha 18 anos conheci o meu migo papi.
Com todo esse conhecimento de rua, afastei-me da Faculdade.
Começaram a vender collards, eles vêm na dolly
Antes dos 21 anos, vi um milhão de dólares.
Dez dedos para baixo através dos problemas de dinheiro
Todos os pretos do bairro sabem que estás na escola para os ter.
Lugar errado, hora certa, como se eu não fosse pontual.
Sabes que vou fazer este microfone chorar
Fomos apanhados no fogo cruzado.
Não devíamos ter tido os nossos Cus loucos lá fora, mas que se lixe isso.
Lil B, ele era o meu preto, meu.
Quando ele estava em baixo, levantei-o e vice-versa.
O preto brinca connosco, que se lixe, nós damos-lhe a volta.
Mesmo quando não tinha nada sabia que ia viver tudo
A andar por aí a roubar camiões de bicicleta.
Quando o Sr. Ross vendia dixie cups
Comecei a levantar as minhas bandas
Foi a primeira vez que me algemaram.
Juro por Deus que eu e o oldboy segurámos o oldboy pelo ransome.
Bola de tiro no parque
Não se sabe o que entra no escuro.
Estou a pensar que me desancei desde o início.
Dos Pretos estava tudo em Nova Iorque, sim
Passei de relógios de prata a balançar AP's
Costumava ver os velhos G's, agora é por minha conta.
Eu estava em E, caí para um G
Costumava brincar aos doces, ia esconder a erva.
Memórias do capô, acabei de fazer rap sobre a minha vida.
Sei que provavelmente fez muita coisa que não estava bem.
É a vida do bairro, não há regras, não
A qualquer momento, um negro dá cabo de TI.
Chuva, trenó e neve, eu tive que lutar por ela
Tive de contar as bandas livres, passei o meu capuz por ela.
Memórias de capuz, tens de evitá-las.
Agora vês a minha cara no ecrã da televisão.