Vinnie Paz — No More Games letra e tradução

A página contém a letra e a tradução em português da música "No More Games" de Vinnie Paz.

Letra

Yo, I’m a dark Abyss
Apocalypse in my esophagus breathing phosphorous while kamikazes spit on top of
it
Stomp the continents in consequence of your incompetence
My consciousness, emits the kind of cognac that you vomit with
I’m kind of sick
Comets hit with less of confidence
So common is devoured galaxies in lines of optimus
Galactus of the brain waves
Captain of the mayday
If God required 7, than I conquered on the 8th day
My Dragons reign is red pain
Blood Pumping through dead veins
Entire mind’s my left brain
Creation caused my membranes
I post apocalyptic vision of warlocks and witches
With wisdom placed from incisions of surgically gifted children
My intensities strike heaven’s peace down to the guts of centipedes
And dead MC’s who stepped to the Rivers who scorched the seven seas
No More games
Set the world on fire screaming no more rain
No More games
Rip your knees from your cartilage and bow to the king
No More games
Set the world on fire screaming no more rain
No More games
Rip your knees from your cartilage and bow to the king
57th passenger, fouler than your pastor is
My mind’s arachnid, masterful, weave a web of massacres
Ambassador of cracking wigs, casket full of captured pigs
I rap to the percussion of crushed skulls and snapped ribs
The fact is I’m brutal, my backyard’s like Lebanon
A lexicon drinking cherub’s blood from a devil’s horn
Peddle porn, dope, soap & hope like it’s a telethon
The metal drawn precise like a draftsman-accurate-shred velours
And level all in radius, my razor rips with gracefulness
I’ll split your face, the stage & pavement, lift the blade then shred the skies
Everything alive is jeopardized when I’ve been weaponized
I specialize in genocide, seven lives beyond death
My conquest stretches from Asgard to the Throggs Neck
Mosh pit symphonies, center of the chaos, a marksman
Shoot you out of the circle of your seance, fuck fortune
You play the odds or lay your cards and forfeit, ahh
No More games
Set the world on fire screaming no more rain
No More games
Rip your knees from your cartilage and bow to the king
No More games
Set the world on fire screaming no more rain
No More games
Rip your knees from your cartilage and bow to the king
You think that sleeps an option?
But sleep to me is like a lethal toxin
I walk the street looking for meat so I can feed the goblin
It takes a god’s philosophy to conquer these concoctions
Telekinesis between dolphins in the deepest cauldron
Failure is never in my mind it couldn’t be an option
I went to Kashmir to see inside the Jesus coffin
It’s either heat or boxin, because the beast is watching
Nobody ever wanted you, you had to seek adoption
I have a lust for blood and that isn’t a recent problem
I have a lust for drugs, and not to mention drinking problems
I put em in the motherfuckin' trash cause he a opossum
I pull the stainless, make them shameless like if he was Rossum
It’s time to bring the fucking pain this is a demons doctrine
I take the ox and slice you up like it was Dietz & Watzon
Every rhyme I write is heroin, you need Suboxone
Rest in peace, BLOCKA BLOCKA now you meeting Cochran
No More games
Set the world on fire screaming no more rain
No More games
Rip your knees from your cartilage and bow to the king
No More games
Set the world on fire screaming no more rain
No More games
Rip your knees from your cartilage and bow to the king

Tradução da letra

Yo, i'm a dark Abyss
Apocalypse in my esophagus breathing phosphorous while kamikazes spit on top of
ele
Pisem os continentes em consequência da vossa incompetência
A minha consciência emite o tipo de conhaque com que vomitas.
Estou um pouco doente.
Os cometas batem com menos confiança
Tão comuns são as galáxias devoradas em linhas de optimus.
Galactus das ondas cerebrais
Capitão do mayday.
Se Deus precisasse de 7, venceria no oitavo dia.
O meu reinado de Dragões é dor vermelha
Sangue a correr nas veias mortas
Toda a mente é o meu cérebro esquerdo
A criação causou as minhas membranas
Eu pós-visão apocalíptica de Magos e Bruxas
Com sabedoria colocada a partir de incisões de crianças dotadas cirurgicamente
As minhas intensidades atingem a paz do céu até às entranhas das centopeias.
E MC's mortos que pisaram os rios que queimaram os sete mares
Acabaram-se os jogos.
Pôr o mundo em fogo gritando sem mais Chuva
Acabaram-se os jogos.
Arranquem os joelhos da cartilagem e Curvem-se perante o rei.
Acabaram-se os jogos.
Pôr o mundo em fogo gritando sem mais Chuva
Acabaram-se os jogos.
Arranquem os joelhos da cartilagem e Curvem-se perante o rei.
57º passageiro, mais sujo do que o seu pastor.
A minha mente é aracnídea, magistral, tece uma teia de massacres
Embaixador de perucas rachadas, caixão cheio de porcos capturados
Eu corro para a percussão de crânios esmagados e costelas partidas
O facto é que sou brutal, o meu quintal é como o Líbano.
Um léxico a beber o sangue do querubim de um chifre do diabo
Vender pornografia, droga, sabão e esperança como se fosse uma maratona televisiva
O metal desenhado de forma precisa, como um desenhador-veludo preciso-rasgado
E nivelar tudo em raio, a minha lâmina rasga-se com graciosidade
Vou partir-te a cara, o palco e o pavimento, levantar a lâmina e depois rasgar os céus
Tudo o que está vivo está em risco quando fui armado.
Especializei-me em genocídio, sete vidas para além da morte.
A minha conquista estende-se de Asgard até ao Pescoço de Throggs.
Mosh pit symphonies, center of the chaos, a marksman
Tiro-te do círculo da tua sessão espírita, que se foda a fortuna
Jogas as probabilidades ou jogas as cartas e desistes.
Acabaram-se os jogos.
Pôr o mundo em fogo gritando sem mais Chuva
Acabaram-se os jogos.
Arranquem os joelhos da cartilagem e Curvem-se perante o rei.
Acabaram-se os jogos.
Pôr o mundo em fogo gritando sem mais Chuva
Acabaram-se os jogos.
Arranquem os joelhos da cartilagem e Curvem-se perante o rei.
Achas que isso é uma opção?
Mas dormir para mim é como uma toxina letal.
Ando pela rua à procura de carne para alimentar o duende.
É preciso uma filosofia de Deus para conquistar estas conceções.
Telecinesia entre golfinhos no caldeirão mais profundo
O fracasso nunca está na minha mente. não pode ser uma opção.
Fui a Caxemira para ver dentro do caixão de Jesus.
Ou é calor ou boxin, porque a besta está a ver
Nunca ninguém te quis, tiveste de procurar adopção.
Tenho sede de sangue e isso não é um problema recente.
Tenho um desejo por drogas, e já para não falar de problemas de bebida.
PU-los no lixo porque ele é um gambá.
Eu puxo o inox, faço-os desavergonhados como se ele fosse a Rossum.
Está na hora de trazer a dor esta é a doutrina dos demónios
Pego no boi e corto-te como se fosse o Dietz & Watzon
Cada rima que escrevo é heroína, precisas de Suboxone.
Descansa em paz, BLOCKA BLOCKA. agora vais encontrar-te com o Cochran.
Acabaram-se os jogos.
Pôr o mundo em fogo gritando sem mais Chuva
Acabaram-se os jogos.
Arranquem os joelhos da cartilagem e Curvem-se perante o rei.
Acabaram-se os jogos.
Pôr o mundo em fogo gritando sem mais Chuva
Acabaram-se os jogos.
Arranquem os joelhos da cartilagem e Curvem-se perante o rei.