Sons of Perdition — Exile letra e tradução

A página contém a letra e a tradução em português da música "Exile" de Sons of Perdition.

Letra

I was spat cold and blameless
Into endless white light
Screaming and bloodsoaked
Like a murder at night
Born into creation
Like a maggot in meat
I washed up in Sacramento
Where for a while, life was sweet
They say that I broke the law
But I’ve never done wrong
So I fled like a lover
From a bitter torch song
I struck out toward the wastes
Knowing I’d never return
The cops barred my passage
With the fire of their guns
I was adrift in a sea
Of ancient green pines
Unshaped and unguided
Like ore in a mine
I fell in with a drifter
From up in Alaska
We wandered out east
Through the Sierra Nevadas

Tradução da letra

Fui cuspido frio e sem culpa.
Numa luz branca sem fim
Gritando e ensanguentado
Como um assassinato à noite
Nascido na criação
Como um verme na carne
Fui parar a Sacramento.
Onde por um tempo, a vida era doce
Dizem que infringi a lei.
Mas nunca fiz mal
Então fugi como um amante
De uma canção amarga
Fui contra os resíduos.
Sabendo que nunca voltaria
A polícia barrou a minha passagem.
Com o fogo das suas armas
Estava à deriva num mar
De pinheiros verdes antigos
Inabalável e não orientado
Como minério numa mina
Caí com um vagabundo
Do Alasca
Nós vagueamos pelo leste
Através da Sierra Nevadas