Sanni — Dementia letra e tradução

A página contém a letra e a tradução em português da música "Dementia" de Sanni.

Letra

Oon saanut turpaan ehkä liian monta kertaa, mm
Ja taas oon kaivamas nenästä lisää verta, mm
Näitä mustii aukkoja on mulla muistissa
Eilinen on liian kaukana
En mä pahaa tarkoita kun pyydän nimesi
Kertaamaan aamulla
Rakastutaan, mut varoitan
On jotain vikana silmien takana
Vahingossa sut unohdan
Mun sydämellä on, on, on, on
Dementia, dementia, dementia
Dementia, dementia, dementia
Demen-demen-demen-demen
Käsiä, huulia niin toistensa kaltaisia, mm
Kokeile kaikkea kunhan teet sen nuorena, mm
On liikaa tarjolla mahdollisuuksia
Liikaa ovia avonaisia
En kohta uskalla silmiä avata
Toivon et oisin sokea
Rakastutaan, mut varoitan
On jotain vikana silmien takana
Vahingossa sut unohdan
Mun sydämellä on, on, on, on
Dementia, dementia, dementia
Dementia, dementia, dementia
Demen-demen-demen-demen
Sotke mun hiukset, sulata mieli
Mä olen tyhmä, sä olet tyhmä
Mulla on diagnoosi
Rakastutaan, mut varoitan
On jotain vikana silmien takana
Vahingossa sut unohdan
Mun sydämellä on, on, on, on
Dementia, dementia, dementia
Dementia, dementia, dementia
Demen-demen-demen-demen

Tradução da letra

Fui espancado muitas vezes, incluindo
E mais uma vez tenho que cavar o nariz para mais sangue, incluindo
Estes buracos negros estão na minha memória.
Ontem é muito longe
Não quero magoar-te quando te peço o teu nome.
Recapitular de manhã
Vamos apaixonar-nos, mas aviso-te
Há algo de errado com os olhos.
Por acaso esqueces-te
O meu coração tem, tem, tem, tem
Demência, demência, demência
Demência, demência, demência
Demen-demen-demen-demen
Mãos, lábios tão parecidos um com o outro,
Tenta tudo desde que o faças ainda jovem.,
Há demasiadas oportunidades disponíveis.
Demasiadas portas abertas
Não tenho medo de abrir os olhos.
Espero que não sejas cego.
Vamos apaixonar-nos, mas aviso-te
Há algo de errado com os olhos.
Por acaso esqueces-te
O meu coração tem, tem, tem, tem
Demência, demência, demência
Demência, demência, demência
Demen-demen-demen-demen
Estraga-me o cabelo, derrete-me a mente
Eu sou estúpido, tu és estúpido.
Tenho um diagnóstico.
Vamos apaixonar-nos, mas aviso-te
Há algo de errado com os olhos.
Por acaso esqueces-te
O meu coração tem, tem, tem, tem
Demência, demência, demência
Demência, demência, demência
Demen-demen-demen-demen