Rosana — Si yo fuera tu amante letra e tradução

A página contém a letra e a tradução em português da música "Si yo fuera tu amante" de Rosana.

Letra

Que podria pasar si tu fueras el mundo,
una piel de asfalto y hormigon,
si en el mar de tu boca se vertiera despacio
por amor residuos toxicos
si abrasaran tu pelo como queman los bosques
y entrerraran tu espalda entre miles de botes?
Que podria pasar si tu fueras la tierra tu mirada un horizonte gris
si trataran tu cuerpo como polvo de arena
poco a poco hasta llegar al fin
si llenaran tu pecho de papales pegados
que despues con el humo se caeran a mi lado
Si tu fueras el mundo y yo fuera tu amante
mimaria tu cuerpo por tenerlo a mi alcance
dibujando una huella que excitara tu mente
hallaria la lluvia en el sudor de tu frente!
Si tu fueras el mundo y yo fuera tu amante
de mi boca marea que en tu boca se esparce
De mi alma caricias sin llegar a enredarte
si yo fuera tu amante!
Que podria pasar si estuviera en tus manos
el futuro y la imaginacion de un planeta que gira en un camino enredado
por la guerra, el hambre, y el dolor
si aun te fuera posible encontrar la salida
para darle cobija a loque queda de vida?
Que podria pasar si cayera en tus manos
el latido de ese corazon
que agoniza dejando el universo encerrado
en un cuarto donde no hay amor
si aun te fuera posible entender que es de todos
y que todos los hombres pueden mas que uno solo?
Si tu fueras el mundo y yo fuera tu amante!
Mimaria tu cuerpo por tenerlo a mi alcance
dibujando una huella que excitara tu mente
hallaria la lluvia en el sudor de frente!
Si tu fueras el mundo y yo fuera tu amante
De mi boca marea que en tu boca se esparce
de mi alma caricias sin lelgar a enredarte
si yo fuera tu amante!

Tradução da letra

O que poderia acontecer se você fosse o mundo,
uma pele de asfalto e concreto,
se no mar da tua boca se derramar lentamente
por amor resíduos tóxicos
se queimarem o teu cabelo como queimam os bosques
e entrarão suas costas entre milhares de barcos?
O que poderia acontecer se você fosse a terra seu olhar um horizonte cinzento
se eles tratassem seu corpo como pó de areia
pouco a pouco, até chegar ao fim
se enchessem o teu peito de papais colados
que depois com o fumo caíssem ao meu lado
Se você fosse o mundo e eu fosse seu amante
mimaria seu corpo por tê-lo ao meu alcance
desenhando uma impressão digital que excitasse sua mente
acharia a chuva no suor da tua testa!
Se você fosse o mundo e eu fosse seu amante
da minha boca maré que na tua boca se espalha
Da minha alma carícias sem te enredar
se eu fosse seu amante!
O que poderia acontecer se estivesse nas tuas mãos
o futuro e a imaginação de um planeta que gira em um caminho emaranhado
pela guerra, pela fome e pela dor
se ainda fosse possível encontrar a saída
para dar abrigo ao que resta de vida?
O que poderia acontecer se caísse nas tuas mãos
o batimento cardíaco
que agoniza deixando o universo trancado
num quarto onde não há amor
se ainda te fosse possível entender que é de todos
e que todos os homens podem mais que um só?
Se você fosse o mundo e eu fosse seu amante!
Mimaria seu corpo por tê-lo ao meu alcance
desenhando uma impressão digital que excitasse sua mente
acharia a chuva no suor de frente!
Se você fosse o mundo e eu fosse seu amante
Da minha boca maré que na tua boca se espalha
de minha alma carícias sem lelgar a te enredar
se eu fosse seu amante!