Pooh — Cercando di te letra e tradução

A página contém a letra e a tradução em português da música "Cercando di te" de Pooh.

Letra

Cercando di te ho consumato la mia vita,
tra storie in salita
e provvisorie verit;
il tempo pieno di sorprese
e qualche volte ci assomiglia,
si sogna e si sbaglia
e ci si spegne sempre un po'.
Cercando di te in ogni donna che ho incontrato,
ho sempre inventato
passioni grandi pi№ di me;
ma son tornato sempre solo
a medicarmi le ferite,
convinto ogni volta
che non ti avrei trovata mai.
Capita che poi
quando non hai voglia pi№ di crederci,
ti cade addosso un’emozione,
cresce prepotente e senza regole e d’un tratto
torni a vivere.
Comincia da qui
il secondo tempo della vita mia
e tutto quello che sar,
ancora da scrivere.
Non mi sveglierІ
con un sorriso sconosciuto accanto,
sempre straniero in ogni letto,
col mio cuore sconfitto
cercando di te.
Cercando di te nelle maree che ho attraversato,
ho sempre incontrato
troppe parole e poco amore,
tu parli poco e non prometti
ma sai scaldare le mie notti
e quando mi manco
sono sicuro che ci sei.
Ora che sei qui
mi sorprende a perdere abitudini
che non avrei cambiato mai,
questa confusione che mi fa sentire vivo,
me la merito.
Comincia con te il secondo tempo della vita mia
e tutto quello che vorrІ
solo pretenderti.
Svegliarmi con te,
con questa faccia forse un po' sgualcita,
da notti bianche per amore,
per fatica o dolore,
ma vivendo con te.

Tradução da letra

À tua procura consumi a minha vida,
entre histórias de subidas
e verit provisório;
tempo cheio de surpresas
e às vezes parece-se connosco,
sonhas e enganas-te
e desliga-se sempre um pouco.
À tua procura em todas as mulheres que conheci,
Sempre o inventei.
grandes paixões não mais do que eu;
mas eu sempre voltei sozinho.
para medicar as minhas feridas,
convencido todas as vezes
que nunca te encontraria.
Acontece que então
quando você não quer mais№ de acreditar,
uma emoção recai sobre ti,
ele cresce mandão e sem regras, e de repente
volta à vida.
Iniciar aqui
a segunda metade da minha vida
e tudo o que será,
ainda para escrever.
Não me acordes.
com um sorriso desconhecido na porta ao lado,
sempre mais estranho em todas as camas,
com o meu coração derrotado
à tua procura.
À tua procura nas marés que atravessei,
Sempre te conheci.
demasiadas palavras e pouco amor,
falas pouco e não prometes
mas podes aquecer as minhas noites
and when I miss
Tenho a certeza que estás aí.
Agora que estás aqui
Estou surpreendido por perder hábitos.
que eu nunca mudaria,
esta confusão que me faz sentir vivo,
Eu mereço.
Começa por ti a segunda metade da minha vida.
e tudo o que quiseres
apenas exige-te.
Acordar contigo,
com esta cara talvez um pouco amarrotada,
de noites brancas por amor,
fadiga ou dor,
mas viver contigo.