Paolo Meneguzzi — Non capiva che l'amavo letra e tradução

A página contém a letra e a tradução em português da música "Non capiva che l'amavo" de Paolo Meneguzzi.

Letra

Qui seduto sul letto ripenso a noi
a quei giorni che il vento ha portato via
quante sere passate allo stesso bar
con gli amici che adesso non vedo pi№
il suo sguardo era luce negli occhi miei
la sua voce era un suono dolcissimo
quante volte ho pensato di dirglielo
quante volte ho creduto di farcela.
Ore in macchina a parlare sotto casa sua
si rideva si scherzava e non capiva che
non capiva che l’amavo
e ogni volta che soffriva io soffrivo
quante notti ho pianto senza dire niente
perch© perch© perch© perch©.
Non capiva che l’amavo
e ogni volta che non c’era io morivo
quante notti ho pianto senza fare niente
e mi nascondevo all’ombra di un sorriso
non capiva che l’amavo.
Il ricordo una lama nell’anima
un dolore che brucia senza piet
Il suo nome vivr nell’eternit
come un segno profondo e indelebile
ore e ore a soffocare tutto dentro me mi parlava mi guardava e non capiva che.
Non capiva che l’amavo
e ogni volta che soffriva io soffrivo
quante notti ho pianto senza dire niente, fare niente
perch© perch© perch© non capiva che l’amavo
e ogni volta che non c’era io impazzivo
quante volte ho fatto finta inutilmente
e mi nascondevo all’ombra di un sorriso
non capiva che l’amavo.
.non capiva che… l’amavo.
Non capiva che l’amavo
e ogni volta che non c’era io impazzivo
quante volte ho fatto finta inutilmente
non capiva che l’amavo
non capiva che l’amavo
non capiva che l’amavo…
Thanks to /* */

Tradução da letra

Aqui sentado na cama penso em nós
aos dias que o vento levou
quantas noites passaste no mesmo bar?
com os amigos eu agora não vejo mais№
o seu olhar era luz nos meus olhos
a voz dele era um som doce
quantas vezes pensei em dizer-lhe
quantas vezes pensei que conseguia.
Horas no carro a falar Debaixo da casa dele.
ele riu e brincou e não entendeu que
ela não percebeu que eu a amava.
e cada vez que sofria sofria
quantas noites chorei sem dizer nada
perch© perch © perch © perch©perch©.
Ela não percebeu que eu a amava.
e sempre que não estava lá, eu morria.
quantas noites chorei sem fazer nada
e escondi-me na sombra de um sorriso
ela não percebeu que eu a amava.
A memória uma lâmina na alma
uma dor que arde impiedosamente
O seu nome viverá na eternidade.
como um sinal profundo e indelével
horas e horas a sufocar tudo o que havia dentro de mim, a falar comigo, a olhar para mim e a não perceber isso.
Ela não percebeu que eu a amava.
e cada vez que sofria sofria
quantas noites chorei sem dizer nada, sem fazer nada
porque © porque© porque © não entendeu que eu a amava
e sempre que não estava lá, enlouquecia.
quantas vezes eu fingi desnecessariamente
e escondi-me na sombra de um sorriso
ela não percebeu que eu a amava.
.ela não percebeu que eu a amava.
Ela não percebeu que eu a amava.
e sempre que não estava lá, enlouquecia.
quantas vezes eu fingi desnecessariamente
ela não percebeu que eu a amava.
ela não percebeu que eu a amava.
ela não percebeu que eu a amava.…
Atraves /* */