MyGrain — Black Light Supernova letra e tradução

A página contém a letra e a tradução em português da música "Black Light Supernova" de MyGrain.

Letra

Burning in the celestial body
Gravitational collapse in speed of light
Widescale loss of consciousness
The combustion, the ignition…
Lie down to set the fire in the sky
Close your eyes
Fall through the space and time
From the luminous sphere of light
Stellar explosions filling the night
Butterfly effect out of control
Dawn of another creation again
Fall down dying in spectres of light
Breathe through the liquid fire
Chaos theory…
Flash of rendering void
Ignite the coma-white explosion
As you drain away my spirit
Blackest light, blinding reflection
My darkness you inherit
The sky is falling
Born another new dimension
I drown myself to fly again
Into the ultimate dimension
The liquid fire
Thirst in my serpentine veins
From the womb of infinite sky
Light years from now
Blood burns with shockwaves
Universe beyond the world of concepts
I am the amorphous interconnectedness
Carnal, ashes to depent co-arising
The meaning connected to everything
Ignite the coma-white explosion
As you drain away my spirit
Blackest light, blinding reflection
My darkness you inherit
The sky is falling
Born another new dimension
I drown myself to fly again
Into the ultimate dimension
The liquid fire
I drown myself to fade the lines
The panic grows through my mind
I see myself slowly die
Travel into the blackest light
Blinded by the event horizon
It shimmers and burns in me
I see the stretching crimson
The link between the worlds
The liquid fire
Thirst in my serpentine veins
Ignite the coma-white explosion
As you drain away my spirit
Blackest light, blinding reflection
My darkness you inherit
The sky is falling
Born another new dimension
I drown myself to fly again
Into the ultimate dimension
Floating in a sea of present
With the waves of birth and death
Awaken the realization of non-separate self
Leaving the body for a constant state of change

Tradução da letra

Ardendo no corpo celestial
Colapso gravitacional na velocidade da luz
Perda de consciência em grande escala
A combustão, a ignição…
Deita-te para incendiar O céu
Fecha os olhos.
Cair pelo espaço e pelo tempo
Da esfera luminosa de luz
Explosões estelares a encher a noite
Efeito borboleta fora de controlo
Alvorada de outra criação outra vez
Cair morrendo em espectros de luz
Respirar através do fogo líquido
Teoria do Caos…
Flash de esvaziamento
Incendeia a explosão branca do coma.
Enquanto drenas o meu Espírito
Luz mais negra, reflexão ofuscante
A minha escuridão que herdaste
O céu está a cair
Nasceu outra nova dimensão
Afogo-me para voar de novo
Na Dimensão final
O fogo líquido
Sede nas minhas veias serpentes
Do ventre do céu infinito
Anos-luz a partir de agora
O sangue queima com ondas de choque.
Universo além do mundo dos conceitos
Eu sou a interconectividade amorfa
Carnal, cinzas para despejar Co-nascentes
O significado ligado a tudo
Incendeia a explosão branca do coma.
Enquanto drenas o meu Espírito
Luz mais negra, reflexão ofuscante
A minha escuridão que herdaste
O céu está a cair
Nasceu outra nova dimensão
Afogo-me para voar de novo
Na Dimensão final
O fogo líquido
Afogo-me para apagar as linhas
O pânico cresce através da minha mente
Vejo-me a morrer lentamente.
Viajar para a luz mais negra
Cego pelo horizonte de eventos
Brilha e arde em mim
Vejo o esticar do carmesim.
A ligação entre os mundos
O fogo líquido
Sede nas minhas veias serpentes
Incendeia a explosão branca do coma.
Enquanto drenas o meu Espírito
Luz mais negra, reflexão ofuscante
A minha escuridão que herdaste
O céu está a cair
Nasceu outra nova dimensão
Afogo-me para voar de novo
Na Dimensão final
Flutuando num mar de presente
Com as ondas de nascimento e morte
Desperte a realização do Eu não separado
Deixar o corpo para um estado constante de mudança