Men Without Hats — This War letra e tradução

A página contém a letra e a tradução em português da música "This War" de Men Without Hats.

Letra

When the sun beats down on the crewl cold ground
in the city that has no name
Where the clouds are black, and the cards are stacked
and everybody knows the game
Where the ice can snow, and the cold winds blow
the clouds come back for more
And then the sun pokes through, the sky turns blue
can’t even remember what we came here for
Sing!
When the sun beats down on the crewl cold ground
in the city that has no soul
Back when the world was round, and she made a sound
that suddenly took control
And now your blue swayed shoes haven’t payed their dues
hoping better sense would prevail
You try to turn the tide, try to look inside
Your looking for the holy grail
Sing!
Remind me what we’re here for
So that’s what it’s come to this war
When your heart beats down on the crewl cold ground
in the city that feels no pain
The only place to hide from the world outside
is buried inside your brain
And you can pick or choose, you can win or lose
everybody knows the score
And when your loves embrace leaves a bitter taste
keep coming back for more
Sing!
Remind me what we’re here for
So that’s what it’s come to this war
Remind me what we’re here for
So that’s what it’s come to this war
This war
This war
This war
This war
This war
This war
When the sun beats down on the crewl cold ground
When the sun beats down on the crewl cold ground
Sing!
Remind me what we’re here for
So that’s what it’s come to this war
Remind me what we’re here for
So that’s what it’s come to this war
This war
This war
This war
When the sun beats down on the crewl cold ground
When the sun beats down on the crewl cold ground
Sing!

Tradução da letra

Quando o sol bate no chão gelado
na cidade que não tem nome
Onde as nuvens são negras, e as cartas são empilhadas
e toda a gente sabe o jogo
Onde o gelo pode nevar, e os ventos frios sopram
as nuvens voltam para mais
E depois o sol espalha-se, o céu fica azul
nem me lembro porque viemos aqui.
Canta!
Quando o sol bate no chão gelado
na cidade que não tem alma
Quando o mundo era redondo, e ela fez um som
que de repente assumiu o controlo
E agora os teus sapatos azuis não pagaram as suas dívidas.
esperando que o melhor senso prevalecesse
Você tenta virar a maré, tentar olhar para dentro
À procura do Santo Graal
Canta!
Lembra-me para que estamos aqui.
Então é isso que chegou a esta guerra.
Quando o teu coração bate no chão frio
na cidade que não sente dor
O único lugar para se esconder do mundo exterior
está enterrado no teu cérebro
E você pode escolher ou escolher, você pode ganhar ou perder
toda a gente sabe o resultado
E quando o teu abraço de amor deixa um sabor amargo
continua a voltar para mais
Canta!
Lembra-me para que estamos aqui.
Então é isso que chegou a esta guerra.
Lembra-me para que estamos aqui.
Então é isso que chegou a esta guerra.
Guerra
Guerra
Guerra
Guerra
Guerra
Guerra
Quando o sol bate no chão gelado
Quando o sol bate no chão gelado
Canta!
Lembra-me para que estamos aqui.
Então é isso que chegou a esta guerra.
Lembra-me para que estamos aqui.
Então é isso que chegou a esta guerra.
Guerra
Guerra
Guerra
Quando o sol bate no chão gelado
Quando o sol bate no chão gelado
Canta!